terça-feira, 14 de fevereiro de 2017

Devocionais para o período de 19 a 25 de fevereiro de 2017

Clique aqui para o arquivo usado na Leitura Diária das aulas
Clique aqui para o arquivo simplificado (só versículos)


Domingo, 19 de fevereiro de 2017 – Deus é Fiel - Salmos 18:25 (PDF)
Sabemos que, no mundo de hoje, existem más influências que muitas vezes nos afastam de Deus sem que percebamos, mas Ele nunca nos abandona e sempre está cuidando de nós. O Senhor é como um escudo para os que procuram a sua proteção, Ele nos dá força para nos defender de nossos inimigos, mas também é justo com seus filhos; aqueles que o procuram serão abençoados, mas aqueles que o abandonam sofrerão as consequências.
Como está em Salmos 18:25: "Tu, ó Senhor Deus, és fiel com os que são fiéis a ti e correto com aqueles que são corretos".
= = = = = = = = = = = = = = = = =
Segunda-feira, 20 de fevereiro de 2017 - Arrependimento - Lucas 3:1-6 (PDF)
Precisamos lembrar que nossos pecados serão perdoados por Deus quando for um arrependimento de coração, ou seja, sincero, porque Deus, sendo nosso Criador, nos conhece tremendamente, porém Deus não é intruso. Ele é um cavalheiro: só entra no seu coração se for convidado. Você abriria a porta da sua casa para um estranho? Deus só entra na sua vida se for convidado. Vamos nos entregar para Ele, vamos nos arrepender dos nossos pecados, vamos nos renovar em Cristo. Como está escrito na Bíblia: "E João atravessou toda a região do Rio Jordão, anunciando esta mensagem - arrependam-se dos seus pecados e sejam batizados, que Deus perdoará vocês" Lucas 3:3.
= = = = = = = = = = = = = = = = =
Terça-feira, 21 de fevereiro de 2017 - O que é importante? - Mateus 7:7;8 (PDF)
Imagine receber Jesus na sua casa! O que faria? Provavelmente você prepararia o melhor para Ele, não é? Marta e Maria passaram por isso. Essas duas irmãs eram muito queridas por Jesus e, um dia, Marta convida Jesus para ir a sua casa e ele aceita. Porém, quando Jesus está na casa de Marta, ela fica ansiosa e preocupada querendo poder oferecer o melhor para ele e se perde na arrumação da casa e nos preparativos, irritando-se quando vê Maria sentada aos pés de Jesus ouvindo o que ele ensinava. Ela questiona Jesus: “O senhor não se importa que a minha irmã me deixe sozinha com todo este trabalho? Mande que ela venha me ajudar” Lucas 10:40b. Marta provavelmente não percebeu a oportunidade que Maria estava aproveitando ao ouvir os ensinamentos de Jesus ali tão perto, e deixou a sua preocupação com coisas externas tirarem a sua atenção do que realmente importava. Jesus, em sua imensa sabedoria, respondeu: “Marta, Marta, você está agitada e preocupada com muitas coisas, mas apenas uma é necessária! Maria escolheu a melhor de todas, e esta ninguém vai tomar dela” Lucas 10:41-42.
Às vezes nos comportamos como Marta, acreditando que, para estar perto de Jesus, nossa vida tem que estar arrumada e nosso tempo, organizado, para depois irmos até ele; porém Maria nos mostra, em sua escolha, que estar aos pés de Jesus agrada-o muito mais pois, ao nos preocuparmos com o mais importante, aprendendo da sua Palavra, buscando sempre estar perto da Sua presença, ele nos protege e supre as necessidades do nosso coração como está em Mateus 7:7,8: “Peçam e vocês receberão; procurem e vocês acharão; batam e a porta será aberta para vocês. Porque todos aqueles que pedem recebem; aqueles que procuram acham; e a porta será aberta para quem bate”.
= = = = = = = = = = = = = = = = =
Quarta-feira, 22 de fevereiro de 2017 - Oração Modelo - Lucas 11:4 (PDF)
Jesus deu aos seus discípulos um modelo e um guia prático para uma oração eficaz. Ele não estava dizendo apenas “quando vocês orarem, digam...”; ao ensinar a oração, Jesus também estava dizendo “portanto, orem assim” (Mateus 6:09). A oração é feita de adoração, louvor, pedidos, confissão de pecados, liberação de perdão aos outros e pedido para vencer a tentação e o poder do diabo. Essas são dinâmicas de uma oração viva, que devem fazer parte completamente da vida diária de todos que creem em Cristo: “Um dia Jesus estava orando num certo lugar. Quando acabou de orar, um dos seus discípulos pediu: ‘- Senhor, nos ensine a orar, como João ensinou os discípulos dele.’ Jesus respondeu: ‘- Quando vocês orarem, digam: Pai, que todos reconheçam que o teu nome é santo. Venha o teu Reino. Dá-nos cada dia o alimento que precisamos. Perdoa os nossos pecados, pois nós também perdoamos todos os que nos ofendem. E não deixes que sejamos tentados’” Lucas 11:01-04.
= = = = = = = = = = = = = = = = =
Quinta-feira, 23 de fevereiro de 2017 - A busca do melhor - Lucas 11:9,10 (PDF)
Em todas as horas do nosso dia sempre estamos buscando realizar os nossos objetivos, sendo eles físicos ou não. É bem nítido que nossa função é sempre buscar algo, mas paramos para refletir. O que Deus quer de nós? Ele está feliz com as nossas buscas? O que realmente devemos buscar? Deus só quer que nossos pedimos sejam coração e que Ele sempre faça parte da nossa vida. Sua maior alegria, depois de tudo o que Ele faz por nós, é que reconheçamos o trabalho e o cuidado Dele. Diz a bíblia: "E eu vos digo a vós: Pedi, e dar-se-vos-á; buscai, e achareis; batei, e abrir-se-vos-á; porque qualquer que pede, recebe; e quem busca, acha; e a quem bate abrir-se-lhe-á” Lucas 11:9,10.
= = = = = = = = = = = = = = = = =
Sexta-feira, 24 de fevereiro de 2017 - O bem contra o mal - Lucas 11:17;20 (PDF)
Jesus ensina que uma casa não pode estar dividida: “Mas Jesus, conhecendo os pensamentos deles, disse: - O país que se divide em grupos que lutam entre si certamente será destruído; a família que se divide em grupos que lutam entre si também será destruída” Lucas 11:17. É pelo dedo de Deus que o Senhor expulsa os demônios, não pelo próprio satanás - como alguns disseram a Cristo. Quem não está com o Senhor, está contra Ele: “Na verdade é pelo poder de Deus que eu expulso demônios, e isso prova que o Reino de Deus já chegou até vocês” Lucas 11:20. Vemos aqui dois reinos: o exército da luz e o das trevas. Vemos nesta Palavra a divisão do bem contra o mal.
= = = = = = = = = = = = = = = = =
Sábado, 25 de fevereiro de 2017 - O que preenche a sua vida? - Lucas 11:28 (PDF)

Todos nós buscamos ter uma vida plena. Essa sensação de plenitude, ou preenchimento, pode se dar de vários modos. No entanto, a única maneira de não nos sentirmos andando por lugares áridos sem encontrar repouso é preencher nossa vida com os ensinamentos de Jesus. Mas é uma vida que precisa de cuidado o tempo todo. Jesus mesmo recomenda: "Vigiai e orai..." Mateus 26:41. Cada vez que descuidamos, nossa vida se torna um campo fértil para que o mal cresça. Por isso, esse trabalho de "cuidar da casa" é constante. Para provar que o mérito não é uma coisa gerada em um momento, mas uma constante, quando uma mulher disse para Jesus: "Bem-aventurado o ventre que te trouxe...", ele respondeu: "Antes bem-aventurados os que ouvem a palavra de Deus e a guardam" Lucas 11:28.

segunda-feira, 13 de fevereiro de 2017

Devocionais para o período de 12 a 18 de fevereiro de 2017


Clique aqui para o arquivo usado na Leitura Diária das aulas
Clique aqui para o arquivo simplificado (só versículos)


Domingo, 12 de fevereiro de 2017 – O nome do Senhor é digno de Louvor - Salmos 18:3 (PDF)
Quando Deus criou o homem, Ele o fez para que convivesse em paz e harmonia, mas a natureza humana é pecadora e o convívio acaba se tornando difícil e complexo sem a presença de Deus, que nos ajuda a ter sabedoria e utilizar os seus mandamentos como fundamento em nossas vidas. Para que possamos viver bem, em paz, devemos louvar o nome de Deus e invoca-lo o tempo todo, para manter nossa mente focada no bem e, consequentemente, afastada do mal. Assim conseguimos até mesmo evitar situações em que as nossas fraquezas se manifestariam na forma de pecados. Como diz a Bíblia: "Invocarei o nome do senhor, que é digno de louvor, e ficarei livre dos meus inimigos" Salmos 18:3.
= = = = = = = = = = = = = = =
Segunda–feira, 13 de fevereiro de 2017 - Humildade - Lucas 9:48 (PDF)
Na época de Jesus podíamos ver claramente os ciúmes, a inveja e o despeito dos fariseus porque Jesus estava mostrando o lado de Deus, um lado que eles não conseguiam enxergar. Eles não enxergavam mais o amor, porém julgavam todos debaixo de uma lei rígida e sem amor nenhum. Em Mateus 18, os discípulos estavam discutindo sobre qual deles seria o mais importante no Reino do Céu. Então Jesus contou que o segredo da grandeza era ser humilde, assim como uma criança.  E nos dias de hoje? Será que mudou alguma coisa? Existe um espírito de competitividade nos seres humanos, de egoísmo, de egocentrismo; seja no trabalho, estudos, família, sempre um quer ser melhor do outro. Precisamos agir humildemente assim como Jesus fazia, devemos resgatar em nossos corações a pureza de uma criança. Quando Jesus usou uma criança como exemplo o que ele quis dizer é que o nosso coração deve ser como o de uma criança, um coração humilde. “Aquele que, por ser meu seguidor, receber esta criança estará recebendo aquele que me enviou. Pois aquele que é o mais humilde entre vocês, esse é que é o mais importante” Lucas 9:48.
= = = = = = = = = = = = = = =
Terça-feira, 14 de fevereiro de 2017 - A difícil tarefa de respeitar - Atos 17:31 (PDF)
Sempre que vemos alguma coisa que é diferente da forma que vivemos logo pensamos: “Como pode? Ninguém tem mais respeito por nada!!!” ou “Por que fazem isso? O que está acontecendo com o mundo?” ou então “Quanta intolerância! Quanta violência! Quanto ódio!”. Muitas vezes não procuramos entender o contexto daquela situação, ou da criação, ou crenças e afins, e acabamos por julgar que a nossa forma é certa. Assim, muitas vezes condenamos, temos preconceitos, criticamos de uma forma velada em nossos corações. Na época de Jesus não era diferente. Muitos não acreditavam no que Jesus falava, muitos não conseguiam entender como Deus, sendo todo poderoso, ia mandar seu Filho para comer com cobradores de impostos, defender uma prostituta, ajudar velhos e crianças. Não! Para eles, o filho de Deus tinha que ser um ser cheio de ouro, castelos, cavalos... Enfim, ser como os Reis que vemos em filmes etc. Até mesmo os discípulos de Jesus tiveram dificuldades para ter compaixão do próximo, como narra a passagem de Lucas 9:51-56 que conta sobre os samaritanos que não queriam receber Jesus quando ele estava indo para Jerusalém para concluir a sua missão na cruz. Jesus precisava passar por ali pois eram caminho para o seu destino e os samaritanos não queriam aquele judeu ali. Os discípulos ficaram irados e perguntaram a Jesus: “O Senhor quer que a gente mande descer fogo do céu para acabar com estas pessoas?” Lucas 9:54b. Os Judeus e os Samaritanos não se davam de jeito nenhum. Para os Judeus, os samaritanos eram considerados infiéis por se misturarem com outros povos; eram odiados pelos Judeus. E o povo Samaritano dizia que os Judeus é que eram infiéis, entre outros conflitos que vão da religiosidade até lugares certos para adorar a Deus. Mas Jesus, como Deus na terra, via muito além do que aquilo que os homens estavam vendo ali e, tendo compaixão, repreendeu-os como dizem as escrituras: “Porém Jesus virando-se para eles, os reprendeu. Então ele e seus discípulos seguiram para outro povoado” Lucas 9:56. Agora, eu me pergunto: será que não faço a mesma coisa que os discípulos fizeram?? Será que não estou condenando os meus colegas e outras pessoas por pensarem diferente de mim, por adorarem a Deus de formas diferentes das minhas? Por não adorarem a Deus? Será que estou julgando no meu coração? E o respeito, a compaixão, o altruísmo, a tolerância? Muitas vezes queremos isso do mundo, das pessoas; mas, e nós? Será que estamos fazendo a nossa parte? Jesus pediu para que amássemos o próximo, como está escrito: “Eu lhes dou este novo mandamento: amem uns aos outros. Assim como eu os amei, amem também uns aos outros. Se tiverem amor uns pelos outros todos saberão que vocês são meus discípulos” João 13: 34-35. Ele mesmo veio para salvar a todos e não para julgar “Pois Deus mandou seu filho para salvar o mundo e não para julgá-lo” João 3:17 e, no fim, só cabe a ele fazer o julgamento - “Pois ele marcou o dia em que vai julgar o mundo com justiça, por meio de um homem que escolheu. E deu prova disso a todos quando ressuscitou esse homem” Atos 17:31. Sendo assim ele nos destitui da posição de Juiz pedindo para que somente amemos ao nosso próximo, independentemente da situação.
= = = = = = = = = = = = = = =
Quarta-feira, 15 de fevereiro de 2017 - Seguir a Cristo - Lucas 9:61,62 (PDF)
Jesus deixa claro que, depois de iniciado o trabalho, depois que você começa uma vida com Ele, você não pode mais ser o mesmo. Se você tomou a decisão de seguir a Cristo, tem que ser de todo o coração. Assim como diz o maior mandamento e o mais importante de todos “Jesus respondeu: — Ame o Senhor, seu Deus, com todo o coração, com toda a alma e com toda a mente” Mateus 22:37.
No texto base podemos ver pessoas que queriam seguir a Jesus, entretanto elas não estavam realmente dispostas a seguir. Por exemplo: “Outro homem disse: — Eu seguirei o senhor, mas primeiro deixe que eu vá me despedir da minha família. Jesus respondeu: - Quem começa a arar a terra e olha para trás não serve para o Reino de Deus.” Lucas 9:61,62.
= = = = = = = = = = = = = = =
Quinta-feira, 16 de fevereiro de 2017 - Espelho de Deus - Lucas 10:1,16 (PDF)
A maior vontade de Deus é que possamos olhar para nosso próximo e enxergar a pureza e a essência que nosso Deus tem. Somos a semelhança de Deus, e todas as pessoas refletem as caraterísticas de Deus. Por isso, cada vida humana é preciosa.
Diz a bíblia: "Quem vos ouve a vós, a mim me ouve; e quem vos rejeita a vós, a mim me rejeita; e quem a mim me rejeita, rejeita aquele que me enviou" Lucas 10:16.
= = = = = = = = = = = = = = =
Sexta-feira, 17 de fevereiro de 2017 – Melhor que Poder - Lucas 10:19,20 (PDF)
“Escutem! Eu dei a vocês poder para pisar cobras e escorpiões e para, sem sofrer nenhum mal, vencer a força do inimigo. Porém não fiquem alegres porque os espíritos maus lhes obedecem, mas sim porque o nome de cada um de vocês está escrito no céu.” Lucas 10:19,20.
O texto de Lucas 10:17-20 mostra que, Jesus Cristo viu a derrota do inimigo no trabalho de seus discípulos. Cobras e escorpiões são símbolos de inimigos espirituais os quais Jesus deu poder aos seus seguidores. A autoridade do Reino tem sido dada aos discípulos de Jesus para que assumam o domínio sobre os poderes das trevas, que operam na vida das pessoas, em suas casas, comunidades e nação. No entanto, essa autoridade deve ser praticada, usada e exercida por pessoas de oração.
= = = = = = = = = = = = = = =
Sábado, 18 de fevereiro de 2017 – Seja como uma criança - Lucas 10:24 (PDF)
Para Deus, as coisas do mundo não são tão importantes. O mundo é um laboratório, um palco, onde passamos pelas situações que vão nos possibilitar receber e praticar todos os ensinamentos que Jesus nos trouxe. Por algum motivo, as lições mais simples são as mais difíceis de entender: “Ame a Deus sobre todas as coisas e ao próximo como a ti mesmo”. Por isso, a graça de Deus é reservada para quem está aberto para recebe-la sem reservas e sem restrições, isto é, os inocentes, os pobres de espírito. Os inteligentes e sábios não estão prontos para entender a simplicidade dos ensinamentos. Como diz a Bíblia: “Pois vos digo que muitos profetas e reis desejaram ver o que vós vedes, e não o viram; e ouvir o que ouvis, e não o ouviram” Lucas 10:24.

terça-feira, 31 de janeiro de 2017

Devocionais para o período de 5 a 11 de fevereiro de 2017

Clique aqui para o arquivo usado na Leitura Diária das aulas
Clique aqui para o arquivo simplificado (só versículos)

Domingo, 5 de fevereiro de 2017 – Bênçãos de Deus - Salmos 16:5,6 (PDF)
Quantas vezes nos sentimos inseguros, sem fazer o que fazer diante de algumas situações? Sem saber para qual caminho seguir? Procuramos soluções por toda parte, mas esquecemos de procurar em Deus! Pois só Ele tem a resposta e a solução para todos os problemas na nossa vida, somente Ele sabe porque temos que passar por essas situações que julgamos difíceis hoje, mas que têm um propósito que só entenderemos no futuro. O Senhor Deus é nosso conselheiro e é Ele quem dirige a nossa vida. O livro de Salmos (16:5,6) diz o seguinte: "Tu, ó SENHOR Deus, és tudo o que tenho. O meu futuro está nas tuas mãos; Tu diriges a minha vida. Como são boas as bênçãos que me dás!  Como são maravilhosas!"
= = = = = = = = = =
Segunda-feira, 06 de fevereiro de 2017 – Fé – Lucas 8:47 (PDF)
Às vezes, sobrevêm tempestades em nossas vidas que parece que vamos "afundar". Por esse motivo, Jesus Cristo afirma em Lucas " Por acaso vocês não têm fé?" Ele tenta nos ensinar a confiar completamente nele, pois, mesmo quando as coisas ficam tempestuosas, Jesus está no controle. Basta termos fé, assim como a mulher de fluxo de sangue, ao tocar nas barras da veste de Jesus, Ele curou ela de uma forma não intencional. Entretanto a história dela nos ensina que a fé precisa de uma ação. Somente assim vencemos os medos, os fracassos e tudo que nos impede de chegar até Jesus.
Jesus sempre está disposto à transformar vidas, basta termos fé. "Então a mulher, vendo que não podia mais ficar escondida, veio, tremendo, e se atirou aos pés de Jesus. E, diante de todos, contou a Jesus por que tinha tocado nele e como havia sido curada na mesma hora. Então Jesus disse: “Minha filha, você sarou porque teve fé! Vá em paz" Lucas 8:47.
= = = = = = = = = =
Terça-feira, 7 de fevereiro de 2017 – A missão - Jeremias 29:11 (PDF)
Jesus, quando começou o seu ministério (a cumprir a missão que Deus tinha dado a Ele), deu a seus apóstolos a missão de anunciar o Reino de Deus. Em Lucas 9:1-9, lemos que Jesus deus a eles autoridade para expulsar demônios, curar doenças e também recomendações para eles executarem durante a viagem.  Nós também temos nossa missão aqui, porém às vezes não damos tanta importância para ela ou nem sabemos por onde começar, e acabamos por nos perguntar: “Mas qual a minha missão, afinal?” Parece difícil de explicar e, muitas vezes, de entender.  Porém, ao olharmos para a vida de Jesus, notamos que ele era muito obediente e confiava plenamente no que Deus estava fazendo com ele. Ele se entregou à vontade de Deus para fazer o que ninguém faria em seu lugar: morrer uma morte de cruz por nossos pecados. Como vamos saber qual a nossa missão?  Se seguirmos, confiarmos e procurarmos fazer o que a palavra de Deus nos orienta, com certeza Deus nos guiará à nossa missão. Naquela época, os discípulos contavam com a orientação pessoal de Jesus. Hoje temos a sua Palavra para nos guiar e o seu Espírito para nos ajudar, o seu exemplo a seguir e a certeza de que Deus nos criou para um plano muito maior que o que vivemos aqui, como está escrito em Jeremias 29:11: “Só Eu conheço os planos que tenho para vocês; prosperidade e não desgraça e um futuro cheio de esperança. Sou eu, o Senhor, quem está falando”.
= = = = = = = = = =
Quarta-feira, 08 de fevereiro de 2017 – Provisão - Lucas 9:10-17 (PDF)
Certo dia Jesus estava pregando para mais de cinco mil pessoas, em determinado momento os discípulos vieram a Jesus e alertaram que a multidão passaria fome se continuassem ali. Jesus então diz que eles mesmos deveriam alimentar aquela multidão, porém os discípulos tinham recursos muito limitados, tinham somente cinco pães e dois peixes. No entanto, Jesus Cristo multiplicou milagrosamente os seus recursos, de um jeito que foram capazes de servir um jantar com peixes para mais de cinco mil pessoas.
Hoje, da mesma forma, se nós chegarmos até Deus com nossos recursos limitados, Deus os multiplicará. Precisamos desenvolver um jeito de pensar completamente novo, que seja mais aberto aos milagres e menos limitado por aquilo que é circunstancial. “Então Jesus pegou os cinco pães e os dois peixes, olhou para o céu e deu graças a Deus por eles. Depois partiu os pães e os peixes e os entregou aos discípulos para que eles distribuíssem ao povo. Todos comeram e ficaram satisfeitos, e os discípulos ainda encheram doze cestos com os pedaços que sobraram” Lucas 9:16-17.
Baseado na Bíblia de Estudo Plenitude para Jovens.
= = = = = = = = = =
Quinta-feira, 9 de fevereiro de 2017 -  Qual o preço da sua alma? - Lucas 9:25 (PDF)
Jesus Cristo desafiou seus seguidores fazendo a seguinte pergunta: "O que adianta alguém ganhar o mundo inteiro, mas perder a vida verdadeira e ser destruído?" Lucas 9:25. As pessoas vendem a sua alma em troca de dinheiro, fama, poder, posição e prazer. Pode até ser que não façam isso conscientemente, mas elas dão as costas a Deus para correr atrás disso. Os seres humanos são seduzidos por coisas como dinheiro e poder. Mas, no fim das contas, o que vai ter de bom em ganhar milhões, alcançar o topo da fama e viver em primeiro lugar, se você não conhecer a Deus?
= = = = = = = = = =
Sexta-feira, 10 de fevereiro de 2017 -  Jesus sabia - Lucas 9:31 (PDF)
Imagina só se você pudesse adivinhar o seu futuro, e nele você soubesse que passaria por muitas coisas ruins, até mesmo a morte. Só para ajudar ou salvar alguém. Pois bem, Jesus já sabia o que o esperava em Jerusalém, a morte. Moisés e Elias aparecem a Jesus cercados por um brilho celestial “... falavam com Jesus a respeito da morte que, de acordo com a vontade de Deus, ele ia sofrer em Jerusalém” Lucas 9:31.
Através desse fato, o que você pode dizer a seu respeito? Você teria coragem de seguir esse destino de redenção, para até mesmo salvar pessoas que você não gosta? É Jesus não fugiu do seu destino, e mesmo sabendo da consequência foi até o fim por você! O que você tem feito para agradece-lo? Jesus mudou o mundo com o maior dos sacrifícios para ajudar a todos, qual sacrifício você fez ou faz para ajudar o próximo?
= = = = = = = = = =
Sábado, 11 de fevereiro de 2017 - Espírito Mudo e Surdo - Lucas 9:41 (PDF)
Um menino estava possuído por um demônio que o jogava ora no fogo, ora na água. Era um espírito surdo e mudo, segundo as palavras de Jesus. Em vão seus discípulos tentaram expulsá-lo do menino.
Quantas vezes um espírito se move dentro de nós, que é surdo à boa palavra, aos apelos de quem está próximo, nos motivando para uma mudança benéfica? Quantas vezes esse espírito é mudo quando é necessário pedir ajuda, dizer o que nos aflige? Isso acaba provocando muito sofrimento, não só na pessoa que cai, espuma e se debate, mas também nas pessoas que estão ao redor e não conseguem ter uma influência positiva. Nem sempre temos força para fazer as mudanças necessárias; precisamos ter humildade para entregar situações difíceis nas mãos de Jesus. Quando Jesus foi questionado sobre a dificuldade de expulsar esse demônio, ele respondeu: "Ó geração incrédula e perversa! Até quando estarei ainda convosco e vos sofrerei? Traze-me aqui o teu filho" Lucas 9:41.

quinta-feira, 26 de janeiro de 2017

Devocionais para o período de 29 de janeiro a 4 de fevereiro de 2017

Clique aqui para o arquivo usado na Leitura Diária das aulas
Clique aqui para o arquivo simplificado (só versículos)




Domingo, 29 de janeiro de 2017 – Deus salva - Salmos 9:13,14 (PDF)
Muitas vezes nos frustramos com as pessoas por confiar demais nelas e achar que nunca seriam capazes de nos chatear, nos ofender e nos maltratar.
Mas tudo que fazemos aqui na Terra tem um preço, uma consequência, seja ela boa ou ruim.
Deus sabe de todas as coisas e está sempre olhando por nós. Ele é nosso Juiz e sabe exatamente o que há dentro do coração de cada um, e por isso somente ele pode julgar seu povo de acordo com o que é direito.
"Ó SENHOR Deus, tem compaixão de mim! Vê como me fazem sofrer os que me odeiam. Livra-me da morte a fim de que eu, na presença do povo de Jerusalém, possa me levantar para anunciar o motivo por que te louvo e dizer que sou feliz porque me salvaste da morte" Salmos 9:13,14
= = = = = = = = = = = = = = = = =
Segunda-feira, 30 de Janeiro de 2017 – O poder do perdão – Lucas 7:47 (PDF)
Perdão é algo divino, devemos associar o perdão com a palavra perder, ou seja, perder algo se desprender de algum sentimento como a mágoa, raiva, tristeza... Enfim, precisamos fazer nossa parte para não carregarmos esses sentimentos e aflições, precisamos demostrar arrependimento. “Quem tenta esconder os seus pecados não terá sucesso na vida, mas Deus tem misericórdia de quem confesso os seus pecados e os abandona” Provérbios 28:13.
Cristo ensinou o princípio de que quanto maior o perdão, maior o amor. Às vezes é no “fundo do poço” da vida que as pessoas começam a buscar mais a Deus, acabam se tornando mais dependentes d’Ele, mais fiéis. Porém qualquer pessoa que se render completamente a Cristo conhecerá o “fogo” e a alegria da presença Dele em nossas vidas.
“Eu afirmo a você, então, que o grande amor que ela mostrou prova que os seus muitos pecados já foram perdoados. Mas onde pouco é perdoado, pouco amor é mostrado” Lucas 7:47.
= = = = = = = = = = = = = = = = =
Terça-feira, 31 de janeiro de 2017 - Jesus e as mulheres - Lucas 8:1-3 (PDF)
Jesus é especialista em quebrar paradigmas. Durante seu ministério ele chocava os fariseus, mestres da lei, homens, mulheres, crianças. Ele estava sempre ao lado ou envolvido com pessoas que eram vistas como escória da sociedade: paralíticos, cegos, crianças, mulheres, pobres, samaritanos etc. As pessoas sempre questionavam sua maneira de viver e porque escolhia as "piores" pessoas para estar ao seu lado. Naquela época as mulheres sofriam muito mais preconceitos que atualmente; serviam apenas para dar à luz os filhos. Elas não podiam dar opiniões, mostrar seu rosto se estivessem "naqueles dias" não podiam tocar em nada pois eram consideradas imundas e aquilo que elas tocassem tornava-se impuro também. Porém Jesus tem uma abordagem completamente diferente: ele as convida a caminhar com ele, ajudando-o em seu ministério. Muitas delas experimentaram seu amor, seu milagre, sua compaixão e sentiram na pele o amor e misericórdia e por isso escolheram segui-lo, deixando de lado tudo que pudesse impedi-las. Em Lucas 8:1-3, lemos "Algum tempo depois, Jesus saiu e viajou por cidades e povoados, anunciando a boa notícia do Reino de Deus. Os doze discípulos foram com ele, e também algumas mulheres que haviam sido livradas de espíritos maus e curadas de doenças. [...] e muitas outras mulheres que, com seus próprios recursos, ajudavam Jesus e os seus discípulos." Que possamos seguir os exemplos dessas mulheres e decidir seguir Jesus, pois ele nos conhece e nos auxilia em todas as situações, nos mostrando seu amor incondicional!
= = = = = = = = = = = = = = = = =
Quarta-feira, 1 de fevereiro de 2017 – Qual seu tipo de solo? - Lucas 8:4-15 (PDF)
Na parábola do Semeador, Jesus explica: “... a semente é a mensagem de Deus” (v.11b) e, assim como qualquer semente, ela precisa de um solo para se desenvolver. Se o solo for ruim, a semente não se desenvolve; pode permanecer viva por um tempo, mas não viverá o suficiente para dar frutos. Diferentemente da semente que cai em terra boa, essa sim, se desenvolverá e dará bons frutos.
A nossa vida não pode ser diferente, temos que viver uma vida que seja de acordo com a vontade de Deus, assim vamos estar preparados, ser terra boa, para receber a mensagem de Deus e a partir dela dar bons frutos: “E as sementes que caíram em terra boa são aquelas pessoas que ouvem e guardam a mensagem no seu coração bom e obediente; e, porque são fiéis, produzem frutos” Lucas 8:15.
= = = = = = = = = = = = = = = = =
Quinta-feira, 2 de fevereiro de 2017 – Doação – Lucas 8:16 (PDF)
Sempre temos algo a oferecer e o que nunca nos falta é ato de sorrir e que alcança tantas pessoas e produz muitos efeitos essa é a doação mais simples e mais sincera.
Quando temos esse dom de fazer o melhor para nosso próximo fazemos de nós pessoas luminosas e abençoadas.
Como na bíblia diz: "Ninguém acende uma candeia e a esconde num jarro ou a coloca debaixo de uma cama. Ao contrário, coloca-a num lugar apropriado, de modo que os que entram possam ver a luz" Lucas 8:16.
= = = = = = = = = = = = = = = = =
Sexta-feira, 3 de fevereiro de 2017 – Fé - Lucas 8:25 (PDF)
Algumas vezes passamos por situações que nos parecem ser tão complicadas como a tempestade, para as quais tentamos achar uma solução, fazer parar ou mudar. Mas, igual à tempestade, nós não podemos pará-la quando queremos e do jeito que queremos. Certa vez Jesus estava em um barco e acabou adormecendo; em seguida, começou uma tempestade muito forte e a água não parava de entrar no barco. Seus discípulos ficaram desesperados e com muito medo. Diante desta situação, acordaram Jesus: “Mestre, Mestre! Nós vamos morrer! Jesus se levantou e deu uma ordem ao vento e à tempestade. Eles pararam, e tudo ficou calmo” Lucas 8:24.
Essa passagem nos mostra que temos que entregar os nossos problemas a Jesus e que, muitas vezes, quanto mais nós tentamos consertar os problemas, mais nos afogamos neles. Que, além de tentarmos fazer algo, temos que ter fé e confiar em Jesus, para que Ele nos guie para fora daquele problema. Os discípulos, diante da tempestade, fraquejaram e tiveram que recorrer a Jesus para sua fé voltar. Por esse motivo, Jesus questionseus discípulos: “Por acaso vocês não têm fé?” Lucas 8:25.
= = = = = = = = = = = = = = = = =
Sábado, 4 de fevereiro de 2017 - Conte sobre as coisas de Deus - Lucas 8:39a (PDF)
Quando nos afastamos de Deus, ficamos em uma miséria espiritual na qual somos tomados por uma série de sensações como inveja, ira, medo, insegurança, vaidade etc. Nessa situação, nós nos ferimos e ferimos quem está próximo, nada consegue nos conter, e ficamos em um estado em que nada vivifica. Nós nos isolamos de tudo, até das pessoas que nos querem bem. Isto é muito bem exemplificado na passagem bíblica que conta sobre o homem endemoninhado que vivia entre túmulos, ferindo-se e nenhuma corrente era capaz de detê-lo; quando se soltava, ia para o deserto. Quando Jesus perguntou quem atormentava aquele homem, a resposta foi "Legião", porque eram muitos. Jesus tem a autoridade e o poder para afastar todos os nossos demônios e nos tirar do meio dos túmulos e do deserto para nos colocar em uma vida que frutifica. Quem é salvo por ele não quer sair de sua presença, mas ele diz: "Torna para tua casa, e conta quão grandes coisas te fez Deus" Lucas 8:39a.